LINGUAGENS RADIOFÔNICAS :: INTRO

“É preciso investir no desenvolvimento da imaginação, da capacidade criativa de cada um, pois o mundo está carente de sutilezas, delicadeza, poesia, música” (SCHAFER, 2011, O Ouvido Pensante, p. 11)

Linguagens e narrativas são caminhos possíveis para se contar uma história. No caso de peças sonoras, alguns dos elementos que podemos (ou não) utilizar são locução, música, efeitos sonoros, silêncio, paisagens sonoras, depoimentos, entre outros. E essa narrativa pode ser construída a partir de um roteiro pré-produzido ou também de forma livre, no improviso, como acontece na maioria dos podcasts feitos no Brasil, por exemplo.

Bem, os caminhos são inúmeros! E o que nos interessa? O caminhar! Por aqui, buscamos investigar novas linguagens e narrativas, levando em consideração, antes de mais nada, quem vai contar essa história.

Quem é você? Por que você quer contar essa história? Quais são seus valores? Sua visão de mundo? O que quer passar para os ouvintes a partir daquela peça sonora?

Através de perguntas, buscamos linguagens que façam sentido e reverberem em seus criadores, de dentro para fora.

Selecionamos alguns exemplos que gostamos muito de diferentes formas de se contar uma história para inspirar nossos co-criadores na busca por suas próprias narrativas.Nessa lista abaixo você vai conhecer peças sonoras de uma série de criadores que admiramos imensamente e que são forte inspiração para nós.

 

TEATRO / LITERATURA

Meu tio o Iauaretê (Rádio Cultura FM – Sylvia Lohn e Júlio de Paula)
Iauaretê, jaguaretê, jaguar, do tupi yaware’te, quer dizer onça verdadeira. João Guimarães Rosa (1908-1967) publicou Meu tio o Iauaretê na Revista Senhor (RJ) em março de 1961. Posteriormente o conto foi incluído na antologia póstuma Estas Estórias, publicada em 1969.
“-Hum? Eh-eh… É. Nhor sim. Ã-hã, quer entrar, pode entrar… Hum, hum. Mecê sabia que eu moro aqui? Como é que sabia? Hum-hum… Eh. Nhor não, n’t, n’t… Cavalo seu é esse só? Ixe! Cavalo tá manco, aguado. Presta mais não. Axi… Pois sim. Hum, hum.Mecê enxergou este foguinho meu, de longe? É. A’pois. Mecê entra, cê pode ficar aqui.”
Interpretado na peça radiofônica por Lima Duarte, o onceiro (matador de onças)… Mais Infos

 

MÚSICA / FICÇÃO / ÁUDIO-FILME / PAISAGEM SONORA 

Audio-filme criado por Lucas Santtana, Rafael Coutinho, e J.P. Cuenca. – Modo Avião – Mais Infos >

 

HISTÓRIA EM QUADRINHOS (HQ)

Estigmas – 2005

 

Peça radiofônica adaptada da História em Quadrinhos Estigmas de Lorenzo Matotti e Claudio Piersanti. Trabalho de conclusão de em graduação e Rádio e Televisão da Faculdade Cásper Líbero desenvolvido por Emanuel Bomfim e Biancamaria Binazzi, sob orientação de Julio de Paula. Mais infos >

 

ARTE SONORA / PAISAGEM SONORA

Visite o nosso menu-degustação de peças de rádio que utilizam a paisagem sonora como linguagem. aqui.

 

RADIO DOCUMENTÁRIO

Goma-Laca: o projeto Goma-Laca busca criar conexões entre o universo musical contemporâneo com a música brasileira produzida no início do Séc. XX em antigos discos de 78 rpm. Em séries de podcasts,  entrevistas com músicos, pesquisadores e colecionadores de discos são costuradas com sonoridades de diferentes épocas. Recomendamos os radio-docs “Banzo Batuque Capoeiragem“, “Elsie Houston e os Cantos Populares do Brasil” e “Discoteca Oneyda Alvarenga”.

 

Radio Ambulante
Radio Ambulante es un podcast, distribuido por NPR, que cuenta historias latinoamericanas provenientes de todos los países de habla hispana, incluyendo Estados Unidos. Buscamos llevar la estética de la buena crónica de prensa escrita a la radio. Trabajamos con una talentosa comunidad de cronistas de radio en distintas partes del continente, aprovechando los avances tecnológicos para producir, distribuir, e intercambiar historias. Mais infos >
http://radioambulante.org/

 

Julio de Paula

Julio de Paula (1972) trabalha com mecanismos de documentação, em especial da cultura tradicional. Radioartista, está interessado na gravação e deslocamento de paisagens sonoras latino-americanas.

Outros trabalhos:

Programa Veredas [arquivo]

Programa Supertônica [arquivo]

 

PROGRAMAS MUSICAIS

Debora Pill – Brisa

Amadeu Zoe aka dAdA RAdiO

Assim Assado, um caderno de Receitas Musicais (Biancamaria Binazzi, Teca Lima e Patrícia Moll.

 

 

 

Seletas musicais criadas a partir de temas apetitosos.

Experimente “Levanta vai fazê Café” e “De Prato e Faca”.

 

 

 

RÁDIO JORNALISMO 

 

PODCASTS DE “BATE-PAPO” 

ESCUTA / NEXO JORNAL

 

TOQVNQENPSSC – Tudo o que você não quer e não precisa saber sobre a Copa (Revista Piauí)

FORO DE TERESINA (Revista Piauí)

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *